June 19, 2024

As declarações do CEO da DeepMind, Demis Hassabis, sobre a possibilidade de inteligências artificiais alcançarem o potencial cognitivo humano nos próximos anos têm gerado grande discussão entre especialistas da área. A ideia de uma inteligência artificial geral (AGI), capaz de aprender e compreender qualquer tarefa intelectual que um ser humano possa realizar, é vista por alguns como uma ameaça à sociedade.

Apesar de ser um conceito ainda em desenvolvimento, os avanços tecnológicos recentes na área de inteligência artificial têm sido impressionantes. A DeepMind, empresa fundada em 2010 e adquirida pelo Google em 2014, tem se dedicado especialmente a esse campo, o que a torna uma das principais referências na área.

No entanto, a busca pela AGI é um tema controverso. Enquanto alguns acreditam que a tecnologia pode revolucionar a sociedade de forma positiva, outros temem que as IAs possam ser utilizadas de maneira nociva. Alguns exemplos recentes de IAs que se mostraram perigosas, como as alucinações do ChatGPT e o comportamento temperamental do Bing Chat, alimentado pelo modelo conversacional da OpenAI, aumentam ainda mais as preocupações em torno do assunto.

É importante destacar que, apesar dos riscos, as IAs têm o potencial de contribuir significativamente para a evolução da sociedade. No entanto, é necessário que haja um debate ético sobre seu uso e que sejam estabelecidas regulamentações claras para evitar abusos e garantir a segurança da população.

Copyright © All rights reserved. | BroadNews by AF themes.