June 19, 2024

A ideia de ser congelado após a morte e ter a esperança de um dia voltar à vida pode parecer um sonho impossível, mas é exatamente isso que a criogenia promete. O empresário bilionário e co-fundador do PayPal, Peter Thiel, é um defensor dessa possibilidade e já afirmou que seu corpo será congelado após a morte.

Durante uma entrevista recente no podcast Honestly with Bari Weiss, Thiel defendeu a busca por maneiras de burlar a morte, incluindo a criogenia. Ele declarou: “Não tentamos vencer a morte. Devemos vencer a morte ou pelo menos descobrir por que é impossível”.

Embora essa possibilidade possa parecer atraente para alguns, ainda é uma questão controversa. Thiel admite que não tem certeza de que a técnica funcionará adequadamente, mas a vê mais como uma declaração ideológica, algo que deveríamos pelo menos tentar fazer.

A criogenia envolve o congelamento de corpos inteiros, e embora ainda não exista comprovação científica de que essa técnica seja eficaz, ela é usada desde 1982 para preservar tecidos e ossos por meio do uso de nitrogênio líquido. Atualmente, o processo já pode preservar óvulos, espermatozoides, sangue de cordão umbilical e células-tronco com eficácia.

Se você estiver interessado em aprender mais sobre a criogenia, pode conferir o documentário Contornando a Morte, disponível na Netflix. O filme conta a história de uma família tailandesa que busca congelar sua filha após sua morte por câncer cerebral, fornecendo uma visão mais aprofundada sobre a técnica.

Copyright © All rights reserved. | BroadNews by AF themes.